MULHERES MAIS PODEROSAS DA HISTÓRIA DO REINO UNIDO

Para comemorar o dia Internacional da Mulher, selecionei as principais mulheres que fizeram história no Reino Unido de acordo com o site Mundo Estranho. Vamos conferir:

Margaret Thatcher

Margaret Thatcher

País que governou – Reino Unido

Período – 1979-1990

Foi a única a se tornar primeira-ministra no país. Apelidada de “Dama de Ferro” e adepta de medidas drásticas, tentou combater a inflação com menos intervenção do Estado na economia – mas, quanto mais ela endurecia, maior ficava a crise. Em três anos de governo, o desemprego triplicou e bancos quebraram. Suportou ainda a Guerra das Malvinas, em 1982, e um ataque terrorista em 1984.

Ana Bolena

Ana Bolena

País que governou – Inglaterra

Período – 1533-1536

A amante do rei Henrique VIII teve uma passagem curta pela monarquia inglesa, mas balançou as estruturas. Disposto a tudo para ficar com ela, com uma canetada só Henrique “inventou” uma nova igreja (a anglicana, que permitia o divórcio) e causou a cisão definitiva entre a Inglaterra, o papa e o resto da Europa. Ana reinaria por apenas mil dias e terminaria presa na Torre de Londres, acusada de traição e adultério.

Elizabeth I

Elizabeth I

País que governou– Inglaterra

Período – 1558-1603

Filha de Henrique VIII e Ana Bolena, foi a última integrante da dinastia Tudor no comando do país. E encarou com firmeza dois grandes rivais: o rei Felipe II, da Espanha, que abriu guerra à Inglaterra com sua lendária esquadra marinha, a Invencível Armada, e sua prima, Maria Stuart, rainha da Escócia, que queria derrubá-la. Considerada um símbolo nacional de pureza e visão política, Elizabeth foi também foi uma grande patrocinadora das artes. Fez florescer o chamado “teatro elisabetano” – cujo maior nome foi William Shakespeare.

Vitoria

Vitória

Países que governou – Inglaterra, Irlanda e Índia

Período – 1837-1901

Nunca houve um nome mais apropriado. Vitória teve o maior reinado que a Inglaterra já viu – até Elizabeth II a ultrapassar em 2015 – num dos melhores períodos do país, e, no final do século 19, tornou-se, por expansão colonialista, também imperatriz da Índia. Subiu ao trono aos 18 anos por ser a única herdeira da família e, pouco depois, casou-se com o primo, o príncipe Albert. Entre seus grandes feitos, liderou a corrida às colônias africanas e asiáticas, forçou a abertura dos portos nas Américas (para vender produtos industrializados ingleses) e apoiou o fim da escravidão. Em seu reinado, a Inglaterra tomou o lugar da França como símbolo máximo de modernidade e de elegância.

A lista deles acaba aqui. Como fã e admiradora que sou, não poderia de acrescentar a Rainha atual:

Coroada no dia 2 de junho de 1953, a soberana de 89 anos ocupa o trono do Reino Unido e outros 15 reinos, entre eles Canadá, Austrália, Nova Zelândia e Jamaica, e no passado também foi a monarca da África do Sul, Sri Lanka, Paquistão e Nigéria.

O recorde de reinado de Elizabeth II significa que agora há três gerações de futuros monarcas na lista de herdeiros, algo que não acontecia desde a morte de Vitória.

Veja os principais acontecimentos que marcaram a trajetória de Elizabeth II como monarca:

Década de 1950: No dia 2 de junho de 1953 a rainha é coroada quase 16 meses após a morte de seu pai, num momento em que o país se reerguia da Segunda Guerra Mundial. A cerimônia, na abadia de Westminster, é transmitida ao vivo no rádio e na televisão em 44 línguas.

Década de 1960: Em 1965 a rainha fez uma visita histórica à Alemanha, sendo o primeiro monarca britânico a visitar o país em 52 anos.

Década de 1970: A rainha recebe o imperador Hirohito do Japão em 1971, em sua primeira visita à Grã-Bretanha desde a Segunda Guerra Mundial.

Década de 1980: Como chefe da Igreja na Inglaterra, a rainha recebe no palácio de Buckingham a visita do papa João Paulo II em 1982, que é a primeira visita de um Papa ao país em 450 anos. No ano seguinte, concede Ordem de Mérito à Madre Teresa de Calcutá, em Nova Déli, na Índia.

Década de 1990: A rainha visitou lugares nunca antes imagináveis, como Hungria, Rússia, Polônia e República Checa. Também esteve com o presidente da África do Sul, Nelson Mandela, em visitas de Estado reciprocadas realizadas em 1995 e 1996.

Década de 2000: celebra seu jubileu de ouro (50 anos no trono) em 2002, com um tour pelos países do Commonwealth, como Jamaica, Nova Zelândia, Austrália e Canadá, além de 70 cidades do Reino Unido, e dois grandes shows nos jardins do palácio de Buckingham.

Década de 2010: Visita a Irlanda em 2011, a primeira visita de um monarca britânico ao país desde sua independência. No ano seguinte completa 60 anos no poder e comemora o jubileu de diamante com uma viagem pelo Reino Unido e diversos países do Commonwealth.

Em 2014 faz o seu primeiro tweet, para divulgar uma exposição no Museu de Ciências de Londres.

Fonte: G1

Ela é demais né?! E a mais linda também ❤

Parabéns para todas as mulheres!

Anúncios
Post anterior
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: